quarta-feira, 18 de setembro de 2013

Benfica 2005-2006


Ronald Koeman chegou ao banco do Benfica, sucedendo a Giovanni Trapattoni, o italiano que quebrou o jejum de 11 anos sem campeonatos dos encarnados. Durante o Verão o plantel dos campeões nacionais não sofreu alterações de grande relevo, à excepção da venda de Miguel ao Valência. Em termos de aquisições, destaque para o avançado italiano Miccoli e o lateral esquerdo brasileiro Léo, além da conturbada transferência do guarda-redes Moretto a meio da época, proveniente do V. Setúbal.
Depois da Supertaça conquistada no Estádio Algarve ao V. Setúbal, o Benfica iniciou o campeonato de forma desastrada com duas derrotas e um empate nos três primeiros jogos. Apesar da vitória no Dragão (2-0) à 7ª jornada (15 anos depois da ultima vitória no estádio do rival portista), o Benfica acabou por realizar um campeonato muito irregular. Mas na Europa a história foi diferente, onde as águias tiveram uma das suas melhores prestações na Liga dos Campeões (desde que o formato foi introduzido). Depois de ter batido o Manchester Utd na última jornada da fase de grupos, eliminando os "Red Devils" da prova, o Benfica eliminou o Liverpool nos Oitavos de Final, com uma histórica vitória em Anfield Road por 2-0, apenas sendo eliminado nos Quartos pelo poderoso Barcelona de Ronaldinho e Deco.
Cedo se percebeu que a equipa era curta para as duas competições. No campeonato, depois de ter estado algumas jornadas a relativa distância do líder, os encarnados terminaram na 3ª posição a 12 pontos do campeão FC Porto e a 7 do Sporting.


Equipa-Tipo

Moretto
Ricardo Rocha
Luisão
Anderson
Léo
Beto
Petit
Manuel Fernandes
Geovanni
Simão
Nuno Gomes

Treinador - Ronald Koeman


Resumo:

3ºLugar - Liga bet&win.com 2005-2006

Vitórias - 20
Empates - 7
Derrotas - 7

Golos Marcados - 51
Golos Sofridos - 29



Sem comentários:

Enviar um comentário